Libra Terminais - Institucional - Sustentabilidade - Sustentabilidade nos Negócios

Sustentabilidade nos negócios

Projetos sustentáveis concretizam a integração do tema aos negócios

Comissão de Sustentabilidade

O primeiro passo após a criação da Visão foi a constituição da Comissão de Sustentabilidade como ritual da estrutura de Governança Corporativa do Grupo. Com participantes de todas as unidades operacionais, a equipe é responsável pelo acompanhamento dos indicadores de sustentabilidade, dos principais projetos e por criar a cultura do tema junto às equipes, tanto para a transformação pessoal quanto para a adoção de práticas sustentáveis no dia-a-dia do trabalho.

Prêmio Eco

O projeto "Redução na Geração de Resíduos Perigosos" foi vencedor do Prêmio Eco 2011, promovido pelo jornal Valor Econômico e pela Câmara Americana de Comércio – AMCHAM, na categoria "Sustentabilidade em Produtos ou Serviços". Esta é a primeira vez que a companhia é reconhecida pelo mercado por práticas sustentáveis.

O projeto, em andamento desde 2009, teve início na Libra Terminais Santos com o objetivo de reduzir o peso dos resíduos perigosos gerados pela companhia, o que contribuiria com o meio ambiente e reduziria gastos do Grupo. Os resultados alcançados – a Libra Terminais Santos deixou de gerar 70,5 toneladas de resíduos perigosos após a implantação do projeto e economizou R$ 82.950,00 até dezembro de 2010 - superaram metas e expectativas e fizeram com que a iniciativa fosse replicada no terminal do Rio de Janeiro. Os resultados na unidade já são positivos. O Grupo Libra foi a primeira empresa do setor portuário a instalar um sistema de reciclagem parcial de equipamentos.

Lançado pela AMCHAM em 1982, o Prêmio ECO foi pioneiro no reconhecimento de empresas que adotam práticas socialmente responsáveis, gerando uma rica reflexão sobre o desenvolvimento empresarial sustentável no Brasil.

Conheça alguns projetos do Grupo Libra

Conheça alguns dos projetos implantados nas unidades que estão em linha com a estratégia e a Visão Libra para a Sustentabilidade, além de colaborar com os resultados econômicos do Grupo Libra.

Inventário de Gases de Efeito Estufa – Grupo Libra

Em 2011, o Grupo Libra realizou o primeiro inventário de emissão de gases de efeito estufa em todas as unidades. O relatório é referente às emissões dos gases ocorridas no ano de 2010, que somaram 64,3 mil toneladas de carbono equivalente. O principal elemento responsável pelo resultado foi o óleo diesel, usado nos equipamentos operacionais.

As informações reunidas no inventário foram utilizadas para os planejamentos estratégicos das unidades visando orientar melhor as estratégias e estruturar ações que diminuam o impacto ambiental das operações.

Sistema de climatização com energia elétrica sustentável – Libra Logística

A equipe de manutenção da Libra Logística Cubatão desenvolveu um sistema sustentável de climatização. Eles criaram uma forma de captar o ar frio sob os túneis de refrigeração das câmaras frigorificadas, gerando um fluxo contínuo desse ar até o interior da sala dos quadros de distribuição de energia elétrica, climatizando o ambiente. A solução foi instalar dois tubos de PVC de 250 mm na laje sob os túneis, onde dois exaustores centrífugos retiram o ar a 16° C e transferem por exaustão forçada até a sala dos quadros de distribuição. O projeto gerou economia de 19 KW no ar condicionado e 3 KW nos exaustores, além de eliminar a necessidade de utilização de gases refrigerantes. Este projeto foi premiado com o 1º lugar no Prêmio Libra Sustentabilidade 2010.

Redução do consumo de água – Libra Terminais

A Libra Terminais conseguiu uma economia de 11 milhões de litros de água e R$ 161 mil por ano adotando uma série de medidas nos terminais T34, T35, T36 e T37, como a instalação de bloqueadores de ar nos hidrômetros, campanha de conscientização e consertos rápidos e efetivos.

ECO RTG – Libra Terminais

Com investimentos de R$ 110 milhões em equipamentos novos para os terminais da Libra em Santos e no Rio, foram adquiridos 6 portêineres e 7 RTG's com tecnologia inédita no Brasil. O grande destaque são os RTG's, que garantem a diminuição de até 50% no consumo de óleo diesel e a consequente redução de emissões de gases de efeito estufa.

Mudança no processo de limpeza dos tanques das balsas - CNA

A limpeza das balsas-tanque ate então era realizada manualmente, acarretando enorme desgaste físico do colaborador, além de demandar maior tempo para limpeza e carregamento da balsa. Sem contar que eram utilizados, em média, 6 mil litros de óleo diesel para a limpeza de uma balsa. A equipe da Companhia de Navegação da Amazônia (CNA) criou uma nova maneira de operar, muito mais segura, minimizando os impactos ambientais e garantindo um monitoramento de resíduos. Em vez de retirar o resíduo em tambores de 200 litros, eles são retirados por sucção. A nova prática deve gerar retorno de R$ 280 mil ao ano.

Semana QSMS - CNA

O encontro acontece anualmente e já pode ser considerado o maior evento sobre o tema na região Norte do país. Com a presença de representantes de todos os stakeholders, são discutidos temas como meio ambiente, segurança, saúde e qualidade e conta com a participação de cerca de 300 pessoas, representando empresa e entidades diversas.

Tratamento dos resíduos provenientes da produção do azeite de oliva – Olivares de Quepu

Hoje a Olivares de Quepu realiza o tratamento de 80% dos dejetos gerados durante o processo de elaboração de azeite de oliva. O objetivo é transformar os resíduos em subprodutos que tragam eficiência operacional, redução de custos, aumento de receitas e que permita diminuir o impacto ambiental. Já há planos de investimento para que se chegue ao tratamento de 100% dos resíduos.